11:45  
     
      INTRODUÇÃO À FITOTERAPIA
      O essencial acerca da fitoterapia
  SAIBA O BÁSICO ACERCA DO TRATAMENTO COM PLANTAS
  As respostas às primeiras perguntas
O que é a Fitoterapia?

A Fitoterapia define-se como o uso de plantas ou de medicamentos à base de plantas (pó, preparações em ampolas, tisanas…) para tratar ou prevenir doenças que nos afectam ao longo da vida. Ao longo de séculos de utilização, o Homem desenvolveu o conhecimento das plantas e das suas propriedades terapêuticas que evoluíram até aos nossos dias. Hoje, os métodos científicos, juntamente com a tecnologia de ponta, permitem-nos identificar os princípios activos das plantas, descobrir-lhes novas propriedades e desenvolver novas apresentações para uma utilização mais eficaz, mais simples e mais adequada à vida actual.

A Fitoterapia é uma terapêutica eficaz?

A Fitoterapia foi oficialmente reconhecida como medicina pelo Ministério da Saúde francês, em 1986, um facto que se tem vindo a extender pelo resto dos países da Europa. Esta decisão foi tomada tendo por base a reputação tradicional da Fitoterapia, mas também pelos inúmeros estudos clínicos que forneceram provas incontestáveis da sua eficácia.

Porquê utilizar a Fitoterapia (a medicina pelas plantas)?

A principal vantagem em utilizar a Fitoterapia para tratar problemas de saúde está relacionada com o facto de ser uma terapêutica com acção suave, ter efeito prolongado no tempo, fraca incidência de efeitos secundários ou de contra-indicações e não ser agressiva para o organismo. Extremamente útil no tratamento de afecções leves ou moderadas e afecções crónicas, a Fitoterapia é uma escolha de primeira linha para fornecer ao organismo, de forma natural, as substâncias necessárias para manter a saúde e o seu equilíbrio vital.

Fitoterapia e/ou medicamentos clássicos (químicos)?

Quer a Fitoterapia, quer os medicamentos químicos têm o seu lugar no arsenal terapêutico, sendo muitas vezes complementares. A medicina clássica (químicos) é importante, mas intervém apenas na urgência e para tratamentos de curta duração e pontuais, enquanto que a medicina pelas plantas pode ser praticada por períodos prolongados, graças à sua acção em profundidade que contribui para o equilíbrio do nosso corpo, ao estimular o organismo, sem o agredir ou intoxicar.

Qual deve ser a duração de um tratamento?

Dependendo do problema que se deseje resolver, a duração do tratamento deverá adaptar-se à sua evolução. Isto é, se pretendemos tratar um problema crónico (artrose, insuficiência venosa...) aconselha-se alternar períodos de tratamento com períodos de descanso (por exemplo, tratar durante 3 meses, descansar durante 1 mês e assim sucessivamente). Se o que pretende é tratar um problema pontual recomenda-se continuar com o tratamento até o desaparecimento dos sintomas.

A Fitoterapia é uma moda?

Não. A nossa época está marcada pela procura de uma vida mais saudável e melhoria da qualidade de vida. Para consegui-lo, o Homem deu-se conta da necessidade de regressar aos valores essenciais e à Natureza, o que tem contribuido para reavivar o interesse pela Fitoterapia e pela procura crescente de plantas medicinais para tratar os problemas de saúde.

As crianças podem tomar?

As crianças também podem beneficiar das vantagens da Fitoterapia. Salvo indicação em contrário, a toma pode ser-lhes adaptada, à razão de 1 cápsula por dia, por cada 20kg de peso da criança (5/6 anos), não dispensando porém, o conselho do seu médico ou farmacêutico.

Podemos combinar diferentes plantas?

Em função das suas necessidades pode utilizar uma ou mais plantas em simultâneo. Consulte a lista de problemas que podem afectar a nossa saúde e as plantas ou associações de plantas mais indicadas para as resolver. Para mais informações leia atentamente os folhetos informativos contidos nas embalagens dos produtos e em caso de dúvidas, aconselhe-se com o seu farmacêutico ou consulte o seu médico.

PÓ INTEGRAL, EFICÁCIA TOTAL

São todos os seus componentes que, actuando em sinergia, asseguram a total eficácia terapêutica da planta. A fim de obter o melhor de cada planta com todos os seus activos, alguns laboratórios mais modernos utilizam um processo moderno e de alta tecnologia: a Criotrituração.

A criotrituração consiste em triturar a parte activa da planta seca, num ambiente muito frio, sob azoto líquido (gás inerte) a 196ºC negativos. Assim se obtém um pó muito fino e perfeitamente homogéneo, que permite assegurar uma óptima biodisponibilidade e absorção dos diferentes componentes: o PÓ INTEGRAL CRIOTRITURADO.

Porque se utiliza o frio?

Estudos demonstram que a trituração clássica, provoca um aumento de temperatura que deteriora substâncias sensíveis ao calor (como vitaminas, enzimas, substâncias voláteis e numerosos princípios activos). As cápsulas são normalmente compostas pelo pó total da planta com o objectivo de fornecer integralmente todos os seus componentes ao seu organismo. Resultado: máxima eficácia terapêutica assegurada. Exija sempre produtos da máxima qualidade.

Farmácia MARISOL
Praceta Manuel Fevereiro Nº 1–F MARISOL
2820-382 CHARNECA DE CAPARICA
HOME | A FARMÁCIA | PRODUTOS | SERVIÇOS | CONTACTE-NOS
Copyright (C) 2012, FARMÁCIA MARISOL - Todos os direitos reservados. Website concebido por www.webzenite.net distribuido por www.tecniware.pt